Comunicação, educação, mercado e turismo!

Um blog diferente, com a marca da credibilidade, que traz tendências, novidades do mundo corporativo, do universo da tecnologia e mídias sociais, do setor de educação e do mercado publicitário. E como ninguém é de ferro, tem ainda lazer, cultura e turismo! Fale com a gente pelo e-mail blogdajuliska.news@gmail.com. Nos siga no Instagram e Facebook: @blogdajuliska.

24

Mai

Comunicação

Minuto da Câmara

Entre os meses de janeiro e junho de 2018 foram registrados no Brasil oito mil e quinhentos casos de violência sexual infantil. Os dados preocupantes foram apresentados durante reunião da Frente Parlamentar em Defesa da Criança e do Adolescente.  Essa e outras notícias, você acompanha no Minuto da Câmara, o seu resumo semanal do trabalho realizado no legislativo municipal de Natal.

24

Mai

O Instagram está renunciando a uma das suas principais marcas. Depois de abdicar à exclusividade de vídeos curtos, o aplicativo IGTV, que permite conteúdo em longa duração (até dez minutos), passa a suportar vídeos gravados na horizontal. A empresa anunciou nesta quinta-feira, 23, que a plataforma lançada em 2018 terá o novo recurso, que modifica a natureza do Instagram, aproximando-o de outros canais de material audiovisual, como o YouTube.

A padronização do IGTV com o formato de outras plataformas é, justamente, o que pretende o Instagram, com o objetivo de aumentar o número de usuários no aplicativo, que não teve o sucesso esperado pela companhia e ainda corre atrás da audiência atingida por outras ferramentas. Espera-se também incentivar o interesse financeiro pelo canal, que já ocorre no YouTube.

De acordo com a empresa, a mudança vem porque os criadores de conteúdo e alguns espectadores estão pedindo pelo recurso e já encontram vídeos no formato paisagem no IGTV, mas não têm suporte para assisti-los em tela cheia.

"Percebemos que isso é uma evolução de onde o IGTV começou - acreditamos que é a mudança certa para espectadores e criadores", disse o comunicado. “De muitas maneiras, abrir o IGTV para mais do que apenas vídeos verticais é semelhante à quando abrimos o Instagram para mais do que apenas fotos quadradas em 2015”. A nota acrescenta que a empresa espera que mudança também permita que a criatividade e o engajamento aumentem.

Grande parte dos motivos que vêm impedindo que o IGTV caia nos gostos dos criadores de conteúdo e usuários é a falta de recursos de monetização do aplicativo, faturamento que os influenciadores recebem com publicações nos stories e feed.

A baixa visualização que o IGTV alcança é um dos obstáculos contra a monetização. Ao contrário do YouTube, o Instagram não tem um serviço de anúncios que pague os criadores. Por sua vez, as marcas não viram a plataforma como lucrativa e, por isso, ainda não pagam os criadores para criar conteúdo próprio para o canal.

No final, usuários veem o aplicativo como um trabalho extra, já que, até então, exigia que os vídeos fossem gravados na vertical, o que impossibilitava que criadores do YouTube transmitissem o mesmo conteúdo na plataforma, para pouco retorno financeiro.

Com o suporte ao formato de paisagem, o Instagram espera que o IGTV obtenha mais visualizações e conteúdo diversificado, o que pode aumentar o interesse financeiro de marcas e criadores. Também como uma tentativa de ampliar o alcance do aplicativo, a empresa passou a permitir, há alguns meses, que os usuários compartilhem prévias dos vídeos do IGTV no feed, medida que teve resultado positivo.

Fonte: Olhar Digital, disponível em: https://olhardigital.com.br/noticia/instagram-anuncia-que-igtv-agora-vai-suportar-videos-na-horizontal/86107

24

Mai

O Rio Grande do Norte conta com 523 jornalistas empregados com carteira de trabalho assinada, alcançando a 18ª posição em número total de empregos formais da categoria, contabilizado entre os 26 Estados da Federação e o Distrito Federal. O dado é da Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) de 2017, a última disponível e divulgada a partir de informações fornecidas pelos próprios contratantes.

Ainda conforme o levantamento, entre 2016 e 2017, o Rio Grande do Norte apresentou um crescimento de 10,1% no número de empregos formais de jornalistas, passando de 475 para 523. Em todo o país, houve incremento de apenas 2,1% nas contratações de jornalistas com carteira assinada. Conforme a RAIS 2017, o Brasil possui 42.197 jornalistas socialmente protegidos pelos benefícios da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

O maior mercado formal para a categoria é São Paulo, com 11.876 jornalistas contratados com carteira assinada. Em seguida, estão: Rio de Janeiro (4.120), Minas Gerais (2.940), Rio Grande do Sul (2.807),  Distrito Federal (2.485), Paraná (2.106) e Santa Catarina (1.990). Desses, ao menos quatro apresentaram redução de postos entre 2016 e 2017:  Minas Gerais (-5,1%), São Paulo (-2,85), Rio de Janeiro (-2,0%) e Distrito Federal (-0,2%).

Os Estados com menor número de jornalistas empregados formalmente estão na Região Norte: Amapá (72 pessoas), Acre (104) e Roraima (160). No entanto, em todos eles houve crescimento nas contratações com carteira assinada entre 2016 e 2017, com destaque para Amapá (12,5%) e Roraima (11,95%). Esse resultado pode ser influenciado pela baixa base de comparação no exercício anterior.

No Nordeste se destaca o Ceará, contando com 1.654 jornalistas empregados com carteira de trabalho assinada, alcançando a 8ª posição em número total de empregos formais da categoria. 

Antes da “reforma” trabalhista

Acreditamos que esses números da RAIS 2017 não foram influenciados pela nefasta “reforma” trabalhista, advinda com a Lei Nº 13.467, que passou a vigorar no dia 11 de novembro de 2017. Seguramente, os números da RAIS 2018, que serão divulgados em setembro de 2019, já trarão claramente os reflexos da destruição causada pelas alterações na CLT.

24

Mai

Conquistar um prêmio internacional de fotografia é certamente a honraria que não só profissionais como mesmo entusiastas da área certamente gostariam de merecer. Afinal de contas, é o resultado do seu trabalho e da capacidade de absorção das suas lentes traduzido em um mérito sem precedentes.

Agora, imagine só todos os adjetivos anteriores indo para uma jovem brasileira que tem apenas 17 anos de idade e que confessou estar participando pela primeira vez de um prêmio internacional de fotografia? Pois, acredite, isso aconteceu com Ana Luiza da Rocha Ferreira.

A jovem natural de Goianinha, cidade na região sul do estado do Rio Grande do Norte distante 64 Km da capital Natal, teve justamente essa experiência ao saber que teve suas imagens contempladas como as vencedoras do Prêmio Lebenskunst, evento com promoção da Câmara de Comércio Brasil – Alemanha.

Com a conquista da categoria Adulto, Ana teve a oportunidade no mês de novembro do ano passado de passar por uma semana com tudo pago estudando na mundialmente famosa Escola de Fotografia Lette Verein localizada na cidade de Berlim, capital alemã.

Além disso, ela ganhou uma câmera de presente e poderá, certamente, continuar produzindo imagens belíssimas como as que lhe renderam esse prêmio internacional de fotografia. E esse é justamente o objetivo de Ana Luiz já que, aluna do Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) no curso de Eventos, um de seus maiores objetivos é seguir profissionalmente na área.

Foto: Ana Luiza da Rocha Ferreira

 

24

Mai

A estudante brasileira Juliana Estradioto, de 18 anos, conquistou o 1º lugar em uma das maiores feira de ciências para pré-universitários do mundo. Natural de Osório, no Rio Grande do Sul, ela fez uma pesquisa sobre o aproveitamento da casca de noz macadâmia para curativos de ferimentos da pele ou para embalagens.

Juliana conquistou a premiação máxima na categoria de Ciência dos Materiais, da Intel International Science and Engineering Fair (Isef). O resultado foi anunciado na última sexta-feira (17) durante o evento em Phoenix, nos Estados Unidos. Por causa do resultado, Juliana também poderá batizar um asteroide com seu nome - essa chance é dada aos estudantes que conquistam os primeiros e segundos lugares em cada categoria da premiação.

Em entrevista ao portal do Ministério da Educação (MEC) nesta quinta-feira, Juliana explicou que produziu uma farinha a partir da casca de noz macadâmia. Segundo ela, a membrana da macadâmia é flexível e resistente, o que permite a utilização em curativos para pele queimada ou machucados. "O cientista tem a habilidade de criar e pesquisar coisas diretamente ligadas com a vida das pessoas. Me sinto muito feliz de poder auxiliar outras pessoas através da Ciência. Temos tanta coisa no nosso cotidiano feita através de tecnologia e ciência que nem nos damos conta", disse a jovem. Durante a cerimônia de premiação, ela se emocionou e foi amparada pelos colegas. 

Foto: Society for Science & The Public Fonte: Júlia Marques para O Estado de S.Paulo, disponível em: https://ciencia.estadao.com.br/noticias/geral,brasileira-ganha-1-lugar-em-feira-de-ciencias-e-tera-asteroide-com-seu-nome,70002841590

24

Mai

Permitir um olhar estratégico e oferecer momentos de reflexão sobre administração, inovação, carreira e mindset, impulsionando mudanças de pensamento e comportamento, esse é o propósito do I Fórum de Empreendedorismo Jurídico realizado pela CERH Consultoria. O evento acontece no dia 13 de junho, a partir das 13h30, no auditório Albano Franco, na Federação das Indústrias do Rio Grande do Norte - FIERN.

Direcionado para advogados e gestores de escritórios jurídicos, o evento abordará temas ligados ao cenário, à profissão, ao negócio e à influência da administração na gestão de escritórios jurídicos. A programação do Fórum foi especialmente planejada para propiciar aos participantes um momento único de entendimento e preparação para a disruptura que já se apresenta no mundo do Direito.

“Estaremos numa jornada de oito horas, conectando profissionais que respiram o ambiente jurídico, envolvendo-os em temas atuais, úteis e que vão além do conhecimento técnico, os quais serão conduzidos por profissionais de renome local e nacional das áreas do Direito, Administração e Psicologia. Essa construção de multidisciplinaridade torna o fórum único”, afirmou a administradora e especialista em Gestão Estratégica de Pessoas, Tatiana Costa Pinto, CEO da CERH Consultoria.

Ela reforça que o evento conta com a parceria do advogado André Galvão Medeiros, que trouxe o know-how necessário para compor a formatação do evento, em uma demonstração prática de como as áreas da Administração e do Direito podem se unir para enfrentar cenários competitivos e de mudanças estratégicas. O evento está com inscrições abertas através do site www.cerh.com.br.  O investimento é de R$180 para os que se inscreverem até o dia 31 de maio.

24

Mai

O Programa Universidade para Todos (ProUni) vai abrir inscrições para bolsas de estudo em instituições particulares de ensino superior no dia 11 de junho. O prazo para participar da seleção vai até 14 de junho. A inscrição deverá ser feita pela internet, no site do Prouni. As bolsas de estudo ofertadas são parciais, de 50% do valor da mensalidade, e integrais, de 100%, e são para o segundo semestre deste ano.

As bolsas integrais são destinadas a estudantes com renda familiar bruta per capita de até 1,5 salário mínimo. Já as bolsas parciais contemplaram os candidatos que têm renda familiar bruta per capita de até 3 salários mínimos.

Podem se inscrever candidatos que não tenham diploma de curso superior e que tenham participado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018. Além disso, cada estudante precisa ter cursado o ensino médio completo em escola pública ou em instituição privada como bolsista integral.

É preciso ter obtido uma nota mínima de 450 pontos na média aritmética das notas obtidas nas provas do Enem. O cálculo é feito a partir da soma das notas das cinco provas do exame e, depois, dividindo por cinco. Outra exigência é a de que o aluno não tenha tirado zero na redação.

Também podem participar do programa estudantes com deficiência e professores da rede pública. A divulgação do resultado da primeira chamada está prevista para 18 de junho deste ano. Já a segunda chamada será no dia 2 de julho.

O candidato pré-selecionado deverá comparecer à respectiva instituição de ensino superior para comprovação das informações no período de 18 a 28 de junho, caso tenha sido selecionado na primeira chamada e de 2 a 11 de julho na segunda. A lista de espera, caso as vagas não sejam ocupadas, fica disponível no site para consulta pelas instituições de ensino no dia 18 de julho.

Fonte: Agência Brasil

24

Mai

O Governo Federal apresentou nesta semana um projeto pelo qual pretende digitalizar 80% dos serviços públicos prestados à população até o final do ano que vem. A proposta do Ministério da Economia, por meio da Secretaria de Desburocratização, Gestão e Governo Digital, faz parte de uma iniciativa maior que pretende reduzir a necessidade de papelada e simplificar o acesso às plataformas oficiais para a população, que poderá fazer isso pelo computador ou celular.

A meta foi apresentada em um evento em Brasília (DF) e, se cumprida, vai fazer com que 2.897 serviços do Executivo, de um total de três mil, estejam digitalizados até o fim de 2020. Hoje, o governo já conta com um total de 1.250 destes, ou 42%, funcionando desta maneira, e a ideia é usar essa experiência para acelerar o processo e garantir que as principais funções da administração federal estejam disponíveis digitalmente à população.

Para garantir isso, de acordo com o secretário especial Paulo Uebel, uma série de etapas precisam ser cumpridas. Entre elas estão a melhoria e integração de bancos de dados para que possam ser acessados de diferentes agências e simplifiquem o acesso, a automatização de procedimentos e o treinamento de servidores, além da criação de novas políticas públicas que abracem essa tendência. O resultado final é que todo o processo se torne mais fácil para o usuário e menos custoso para a administração pública.

O plano é fazer com que todos os serviços da Previdência Social estejam digitalizados até julho, com o mesmo valendo à área de infraestrutura ao fim de 2019. Ao longo do processo, também seriam digitalizados processos de agências como Anac (Aviação Civil) e ANTT (Transportes Terrestres), que não perderiam os seus postos de atendimento, mas permitiriam que os cidadãos registrassem reclamações e acompanhassem o andamento delas pela internet.

Isso também se reflete em resultados. Segundo Uebe, um aumento de 1% no que o Executivo chamou de “governo digital” reflete em um crescimento de 0,5% no PIB (Produto Interno Bruto), 0,13% no IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) e 1,9% no comércio internacional. Além disso, a expectativa é que o retorno sobre o investimento feito em iniciativas de digitalização seja de 300%, resultando em uma economia de R$ 6 bilhões à administração.

Fonte: Portal Canaltech, disponível em: https://canaltech.com.br/governo/governo-quer-digitalizar-80-dos-servicos-publicos-ate-o-final-de-2020-139933/

24

Mai

O potiguar Luís da Câmara Cascudo é reconhecido em todo o Brasil por sua contribuição como historiador e folclorista. Mas seu flerte com a poesia é pouco conhecido, e é esse o mote do próximo livro publicado pelo Sistema Fecomércio, por meio do Serviço Social do Comércio do Rio Grande do Norte (Sesc RN). “O poeta Câmara Cascudo – um livro no inferno da biblioteca”, do escritor Dácio Galvão, será lançado na quinta-feira (30), às 18h30, no salão de eventos do Sesc Rio Branco.

No livro, o escritor e presidente da Fundação Cultural Capitania das Artes (Funcarte) analisa a contribuição do poeta Cascudo ao Movimento Modernista brasileiro em sua fase inicial de abrangência nacional, na década de 1920. Aprofunda, ainda, os laços do intelectual potiguar com os escritores Mário de Andrade e Oswald de Andrade, e a admiração pela poesia do estadunidense Walt Whitman, de quem traduziu poemas.

A publicação analisa a curta produção poética de Cascudo por meio de flertes com a poesia japonesa, o jazz e outras linguagens. Entre as observações, revela o pioneirismo do autor na experimentação no campo da poesia visual inspirado no escritor Jorge Fernandes, referência modernista potiguar.

“O poeta Câmara Cascudo – um livro no inferno da biblioteca” traz encartado o álbum “Brouhaha”, com versos de Cascudo musicados por grandes nomes da MPB. Os livros, assim como todas as publicações com o selo Fecomércio-Sesc, não podem ser comercializados, e ficam disponíveis para empréstimo e consulta gratuitos na rede de bibliotecas Sesc RN.

24

Mai

Atenção estudantes universitários, docentes e profissionais de instituições de ensino: já estão abertas as inscrições para o XI Seminário de Pesquisa da Estácio. O objetivo do evento é proporcionar à comunidade acadêmica um espaço para a apresentação e discussão de trabalhos científicos, das mais variadas áreas de conhecimento. Os interessados, das demais instituições de ensino do país, poderão fazer suas inscrições, gratuitamente, até o dia 29 de maio de 2019.

O XI Seminário de Pesquisa da Estácio será realizado no dia 26 de outubro de 2019 (sábado), na Universidade Estácio de Sá (UNESA), Campus Nova América – localizado na Avenida Pastor Martin Luther King Jr., 126 - Del Castilho, Rio de Janeiro. Mais informações podem ser obtidas por meio do endereço eletrônico: seminario.pesquisa@estacio.br  e o edital pode ser conferido no site www.estacio.br/seminariodepesquisa.

Paralelamente ao seminário, serão realizadas a VII Jornada de Iniciação Científica da UNESA e a II Mostra de Extensão da Estácio e VI Fórum de Extensão da UNESA.