Educação

17

Jan

Luminova Natal oferece colônia de férias com diversão e conhecimento em tempo integral

Diversão e conhecimento estão garantidos na colônia de férias da escola Luminova Natal. A instituição de ensino, que chegou à capital potiguar este ano, está oferecendo uma programação completa e diversificada, com o diferencial de atividades durante todo o dia, das 07h30 às 17h. 

A colônia de férias da Luminova Natal segue de hoje (17) até 21 de janeiro, nas dependências da escola, no conjunto Mirassol, na zona sul da capital. Os alunos que se matricularem no ensino fundamental I ganham 10% de desconto e também a colônia de férias. 

“O grande diferencial será o viés pedagógico. Além da recreação, a programação visa o protagonismo do aluno dentro do conceito múltiplo de fomento da aprendizagem, além de atividades que duram o dia inteiro”, resumiu a coordenadora pedagógica da Luminova Natal, Angélica Katianne. 

A escola abre as portas antes mesmo do início do letivo para receber os alunos por entender que a colônia de férias é um momento importante para adaptação das crianças e para estimular a criação de laços efetivos entre elas e com os professores. 

Todas as atividades contam com protocolos sanitários, diante do atual quadro de saúde. As crianças têm as temperaturas aferidas, o uso de máscara é obrigatório e álcool em gel também está disponível. 

As inscrições podem ser feitas na sede da escola, no ato da matrícula. Mais informações pelo telefone 2010-3000; pelo site escolaluminova.com.br/natal ou pelo Instagram, no perfil @luminova.natal. 

Rede Luminova

A Escola Luminova faz parte de uma rede com cinco unidades em São Paulo, capital, que existe há 3 anos. A instituição está reinventando a educação brasileira com ensino de qualidade e acessível e com conteúdos relacionados ao aprendizado no ambiente escolar e nos relacionamentos familiares. 

Na Luminova, os estudantes desenvolvem suas potencialidades de forma criativa e autônoma, reconhecendo-se como um indivíduo único, capaz de interagir, criticar, formar conceito, influenciar e relacionar-se com o mundo de forma positiva. 

A proposta educacional está baseada em 5 pilares: metodologias ativas, inglês todos os dias, tecnologia aplicada, professor influenciador e estrutura e segurança. 

A escola terá essência potiguar pelo carisma e acolhimento junto aos alunos, que se dará principalmente através do cuidado e olhar diferenciado a cada um, partindo das suas particularidades bem como pelo estreitamento das relações entre escola e família.

17

Jan

Escola Nacional abre inscrições para cursos gratuitos e online voltados a direito do consumidor

A Escola Nacional de Defesa do Consumidor (ENDC) abriu inscrições para vários cursos que têm, como tema, as relações de consumo e os direitos do consumidor. Todos cursos são gratuitos. Para participar basta que o interessado tenha mais de 16 anos e possa acessar um computador com internet para assistir as aulas.

Também são oferecidas vagas para qualificar órgãos gestores, de monitoramento e empresas. Ao final, os alunos recebem certificado digital emitido pela Universidade de Brasília (UnB). As matrículas podem ser feitas até o dia 7 de fevereiro no site da ENDC. Para acessá-lo, clique aqui.

A plataforma disponibiliza cursos tanto para técnicos de órgãos voltados à defesa do consumidor como para empreendedores e consumidores em geral. Há cursos de capacitação para uso do sistema de atendimento ProConsumidor; cursos que abordam mecanismos de proteção contratual; e cursos que abordam temas como "crimes contra as relações de consumo".

Há também cursos voltados à educação financeira; ao estímulo de ações conjuntas entre órgãos de vigilância sanitária e de defesa do consumidor; e à capacitação de órgãos e empresas para a utilização da plataforma Consumidor.gov.br.

O curso "É Da Sua Conta", por exemplo, oferece alternativas para poupança de curto e de longo prazo, de forma a ajudar empreendedores a realizarem os investimentos necessários para iniciar ou ampliar sua capacidade produtiva.

Há, ainda, cursos introdutórios sobre a temática da defesa do consumidor; e avançados como, por exemplo, alguns que detalham a abordagem que o Código de Defesa do Consumidor dá para assuntos como publicidade enganosa e práticas abusivas.

A plataforma tem também um curso voltado aos usuários dos planos de saúde. Nele são apresentadas características, especificidades e legislação deste setor, o que abrange, além de contextualizações, regulação e direitos no âmbito dos planos de saúde.

Os cursos têm cargas horárias entre 20 e 60 horas-aula. De acordo com o Ministério da Justiça, a ENDC registrou 55.498 matrículas no ano passado e cinco novos cursos à distância foram criados em 2021.

Fonte: Agência Brasil

15

Jan

Startup brasileira de educação reúne mais de 6 mil inscritos em curso que incentiva independência de crianças e adolescentes nos estudos

A Piva Educacional, startup que ajuda crianças e adolescentes a criarem autonomia para estudar, promove gratuitamente, entre os dias 17 e 24 de janeiro, a Semana do Filho Estudioso. Durante esse período, as pessoas que se cadastrarem no site da empresa terão acesso a diversos vídeos ao vivo que auxiliam pais e responsáveis a terem filhos independentes nos estudos.

“A Semana do Filho Estudioso é a porta de entrada para as famílias que buscam auxílio no processo de aprendizagem dos filhos. Selecionamos conteúdos com dicas valiosas que podem ser aplicadas desde o primeiro momento”, explica Bruno Piva, fundador e CEO da startup. O evento ocorre desde 2020 e desde então 50 mil famílias de todas as regiões do Brasil e do exterior já participaram do evento, incluindo famílias do Japão, Suíça, Portugal, Espanha, Estados Unidos, Angola, Cabo Verde, Holanda e Argentina.

A partir de técnicas da neurociência do aprendizado, Bruno, um apaixonado por aprendizagem e especialista em despertar o gosto pelos estudos em crianças e adolescentes, desenvolveu um método diferenciado que em seis semanas garante que o aluno aprenda e goste de estudar sozinho. “O evento é uma oportunidade para conhecer essa metodologia e as principais estratégias na hora de auxiliar um filho a estudar”, destaca o CEO.

Atualmente, a Piva Educacional atua em duas principais frentes: aulas particulares e um programa de desenvolvimento com acompanhamento voltado a pais de alunos do ensino fundamental, médio e vestibulandos. Além disso, a startup possui um canal no YouTube, com mais de 11 mil inscritos e 340 mil visualizações. Comandado pelo próprio Bruno Piva, o canal é alimentado com aulas semanais, lives com especialistas e conteúdos educacionais complementares para pais e filhos.

15

Jan

Busca por melhores salários deve estimular investimentos na graduação

O reaquecimento da economia e o avanço da cobertura vacinal tem levado cada vez mais pessoas a buscar o Ensino Superior, sobretudo aquelas que almejam melhores remunerações salariais ou que estão em busca de novas oportunidades de trabalho. De acordo com estudo realizado pelo Instituto Semesp, é comprovado que existe um crescimento na renda das pessoas que possuem um curso superior, assim como uma melhora significativa na qualidade de vida dos que buscam se profissionalizar.   

Uma pesquisa divulgada no final do ano passado pela Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES), em parceria com a Educa Insights, apontou um aumento significativo no interesse dos entrevistados em iniciar um curso superior em 2022, seja presencial ou a distância, em instituições particulares de ensino. E se os alunos desejam voltar, instituições de ensino superior já se preparam para recebê-los. É o caso Estácio que lançou novos cursos em diferentes modalidades para atender aos futuros estudantes. 

Cursos de diferentes modalidades têm chamado a atenção desse público. Um deles é o Semipresencial, que tem como metodologia conectar a expertise do presencial com a inteligência do digital, tornando a sala de aula mais interativa e colaborativa. Neste formato, o aluno garante a experiência presencial no campus, até duas vezes por semana, e os demais conteúdos são oferecidos dentro de uma plataforma digital.

“O grande segredo do semipresencial é a utilização da matriz de ensino comum a todos os modelos de ensino. A partir dessa mesma fonte de conteúdo, podemos unir o melhor do mundo digital e do mundo presencial em um novo produto. Com isso, conseguimos equilibrar a oferta e atender a todas as possibilidades, tanto financeiras, quanto de flexibilidade de tempo, para aqueles que também querem o contato presencial. Perfeito para quem quer ter flexibilidade de horário, mas não abre mão da experiência em sala de aula”, explica André Zago, gestor da Estácio Natal.


A Estácio Natal já oferece essa modalidade desde 2021 nos campi Ponta Negra e Alexandrino e, nos dias 14 e 15, irá realizar o primeiro Megavestibular do ano. Os vestibulandos podem optar por cursos como Direito, Nutrição, Arquitetura e Urbanismo, Enfermagem, Educação Física, Fisioterapia, Pedagogia, Engenharia Civil, além de cursos da área de Gestão, por exemplo. 

As inscrições para as avaliações presenciais ou online podem ser feitas pelos telefones 4003-6767 (Regiões Metropolitanas) ou 0800 880 6767 (Demais Regiões). O atendimento presencial nas unidades ocorre de acordo com as normas de segurança sanitária vigentes e o uso da máscara é obrigatório. 

14

Jan

Alunos do SENAI-RN participam de seletiva final para o Mundial da WorldSkills que acontecerá na China em 2022

Vão começar as seletivas para a 46ª WorldSkills Competition de 2022, que acontece em Xangai (Shanghai), este ano, na China. O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI-RN) vai concorrer pelas vagas na competição em quatro ocupações: Refrigeração de Ar-condicionado, Instalações Hidráulicas e de Aquecimento, Construção de Estruturas Metálicas, e Soldagem.

“Depois de todo tempo de preparação, agora eles irão focar no que aprenderam para demonstrar tudo que foi trabalhado durante os treinamentos”, diz a gerente de educação do SENAI-RN, Simone Oliveira.

Ela explica que as seletivas são o momento em que as equipes mostram sua força e referência na formação de nível técnico profissional dos seus estados, e começam a carimbar os passaportes rumo à Xangai. “Vamos acompanhar, incentivar e torcer por nossos alunos”, diz Simone.

Na semana de 24 a 29 de janeiro participam das seletivas os alunos Danilo Mendes Pereira, pela ocupação Refrigeração de Ar-condicionado; e Mario Sérgio Pereira de Jesus, pela ocupação Instalações Hidráulicas e de Aquecimento.


Eles são do Centro de Tecnologias do Gás e Energias Renováveis (CTGAS-ER). Danilo faz seletiva em Recife-PE, e Mario em Belo Horizonte-MG. Acompanham os alunos os professores avaliadores José Rodrigues da Fonseca Segundo (com Danilo) e Kergivaldo Nogueira de Medeiros, com Mario Sérgio.

As próximas seletivas acontecem em fevereiro. De 7 a 12 de fevereiro, em Contagem-MG. Aluno Jace James Ferreira da Silva, na ocupação Construção de Estruturas Metálicas, do SENAI Mossoró. Acompanha o professor avaliador Luiz Arquilino de Souza Neto. De 14 a 19 de fevereiro, em Osasco-SP. Aluno Ismael Victor Fernandes de Souza, na ocupação Soldagem, do SENAI Mossoró. Acompanha o professor avaliador Max Wendell Morais Pereira.

Se obtiverem bons resultados, os atletas do conhecimento do Rio Grande do Norte garantem a vaga para representar o Brasil na 46ª WorldSkills Competition de 2022, na cidade de Shanghai, na China.

A WorldSkills International é a maior competição de educação profissional do mundo, também conhecida como Olimpíadas do Conhecimento, reunindo os melhores alunos profissionais técnicos de mais de 60 países.

Com desafios em 52 modalidades diferentes, o evento, que acontece a cada dois anos, tem como objetivo promover o desenvolvimento profissional e pessoal dos estudantes de ensino técnico, aprimorando habilidades e competência, além de auxiliar na conquista das melhores colocações no mercado da indústria brasileira e internacional.

46ª WorldSkills Competition será realizada em Xangai, China, de 12 a 17 de outubro de 2022. “Xangai (em português) ou Shanghai (em inglês)” são grafias usadas normalmente no mundo ocidental em vários países. A grafia oriental de Xangai ou Shanghai, é 新爱 – Xīn ài.

14

Jan

IFRN abre inscrições para Professor Visitante e Visitante Estrangeiro

A Direção Geral do Campus Santa Cruz do Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN), através do Edital Nº 03-2022, abre inscrições para Processo Seletivo Simplificado, destinado à seleção e posterior contratação, por tempo determinado, de PROFESSOR VISITANTE ou VISITANTE ESTRANGEIRO, da carreira de professor de Ensino Básico, Técnico e Tecnológico, para atuar no apoio à execução dos programas de pós-graduação stricto sensu, aprimoramento de programas de ensino, pesquisa e extensão, execução de programas na capacitação docente e intercâmbio científico e tecnológico.

Segundo o edital, será destinada uma vaga para a disciplina de Didática. O candidato deve ter formação de Licenciatura em Pedagogia, acrescida de Doutorado em Educação ou áreas afins. Excepcionalmente, poderão ser  contratados candidatos com formação na área, sem o título de doutor, conforme disposições do item 9.1 e seus subitens.

As inscrições para o Processo Seletivo devem ser realizadas das 10h do dia 13 de janeiro de 2022 às 23h59 do dia 23 de janeiro de 2022, exclusivamente via Internet, através do sítio do IFRN

Etapas

O Processo Seletivo Simplificado será constituído das seguintes etapas: a primeira delas por meio do exame do Currículo do candidato, com especial enfoque em sua produtividade técnico-científica; A segunda fase será a avaliação do projeto entregue com sua apresentação oral.

14

Jan

UFRN aprova calendário de 2022 com retomada das aulas presenciais; confira

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) aprovou o Calendário Universitário de 2022, com a retomada da regularidade das aulas presenciais. A decisão foi ratificada, nesta quinta-feira, 13 de janeiro, pelo Conselho de Administração (Consad) e também havia sido aprovada, por unanimidade de votos,  pelo Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Consepe), na última terça-feira, 11 de janeiro. 

Conforme a proposta aprovada, o período letivo de 2022.1 acontecerá de 28 de março a 30 de julho de 2022. Já o período de 2022.2 será realizado de 22 de agosto a 23 de dezembro de 2022. O documento prevê ainda que o 2023.1 ocorrerá de 27 de fevereiro a 1° de julho de 2023. O período de 2023.2 será de 7 de agosto a 9 de dezembro de 2023.


O pró-reitor adjunto de Gestão de Pessoas (Progesp) e relator da proposta no Consad, Joade Cortez, contextualizou que o retorno presencial gradual acadêmico e administrativo vem ocorrendo nos últimos meses. Nesse sentido, a Universidade aprovou, no final de dezembro, o atestado de esquema vacinal contra a covid-19, para acesso às dependências físicas da instituição de ensino. O gestor  explicou ainda que a Universidade está finalizando normas complementares sobre o tema, com regras específicas para estudantes, docentes e técnicos. Outra iniciativa que está em fase de finalização é a atualização do Protocolo de Biossegurança, conforme a situação atual da pandemia da covid-19.

Retorno acadêmico presencial

Para a retomada presencial das atividades acadêmicas, a pró-reitora de Graduação (Prograd) e relatora da proposta no Consepe, Maria das Vitória de Sá, ressalta a importância de seguir os protocolos de biossegurança, como o uso de máscaras e o distanciamento social. A gestora lembra também que os colegiados superiores da UFRN aprovaram, recentemente, resoluções sobre o atestado de esquema vacinal contra a covid-19, para acesso às dependências físicas da instituição de ensino.

Os colegiados superiores decidiram ainda que, para o ano letivo de 2022, o cancelamento de cursos de graduação não será realizado por abandono de curso, decurso de prazo máximo ou insuficiência de desempenho, levando em consideração o atual cenário da pandemia da covid-19. 

Foto: Cícero Oliveira


12

Jan

UNI-RN é certificado mais uma vez com Selo OAB Recomenda

A qualidade do ensino ofertado pelo UNI-RN é novamente comprovada e certificada por uma das mais renomadas instituições do país.  No próximo dia 27 de janeiro, o Centro Universitário do Rio Grande do Norte (UNI-RN) será agraciado mais uma vez com o Selo OAB Recomenda.

A cerimônia de entrega da 7ª edição do Selo de Qualidade OAB Recomenda será realizada às 15h do dia 27 de janeiro, na sede do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil, em Brasília. 


A referida certificação simboliza o reconhecimento às instituições de ensino superior em que o curso de Direito, por elas ofertado, apresente elevado padrão de qualidade. Os critérios que resultam na avaliação são estabelecidos pela Comissão Especial para Elaboração do Selo OAB Recomenda, do Conselho Federal.

“Não é a primeira vez que o UNI-RN é agraciado com este Selo. Já o havíamos recebido em 2012. Mas é uma distinção que muito nos honra, uma vez que não só fortalece os laços com tão renomada instituição, que é a Ordem dos Advogados do Brasil, como também  reafirma o nosso compromisso com uma educação de qualidade, e não apenas no curso de Direito, mas com todos os nossos cursos da graduação”, enfatizou o reitor do Centro Universitário, Daladier Pessoa Cunha Lima.

12

Jan

Prêmio Sesc de Literatura abre inscrições para escritores iniciantes

Autores com obras inéditas nas categorias de romance e contos têm até o dia 11 de fevereiro para se inscreverem na edição 2022 do Prêmio Serviço Social do Comércio (Sesc) de Literatura.

Os vencedores terão as obras publicadas e distribuídas pela editora Record, parceira do Serviço Social do Comércio (Sesc) no projeto, com tiragem inicial de 2,5 mil exemplares. O anúncio dos vencedores será divulgado em maio próximo. Desde a criação, mais de 17 mil livros foram inscritos e 33 novos autores ganharam destaque.

“A premiação foi criada em 2003 e se consolidou como a principal do país para autores iniciantes. No ano passado, tivemos a inscrição de 1.688 livros, sendo 850 em romance e 838 em conto. O cronograma não foi afetado pela pandemia, porque foi todo executado por trabalho remoto. Dessa forma, o resultado pôde ser divulgado no prazo previsto”, afirmou o analista de Literatura do Departamento Nacional do Sesc, Henrique Rodrigues.

Avaliação

Os livros são inscritos pela internet, gratuitamente, de forma anônima, o que impede que os reais autores sejam reconhecidos, o que garante, segundo Rodrigues, a imparcialidade no processo de avaliação. Os romances e contos são avaliados por escritores profissionais renomados, que selecionam as obras pelo critério da qualidade literária.

Na edição do ano passado, foram vencedores o paraense Fábio Horácio-Castro, jornalista de formação e professor universitário, com o romance “O réptil melancólico”; e o também jornalista pernambucano Diogo Monteiro, com a coletânea de contos “O que a casa criou.”

As inscrições são gratuitas, estão abertas desde ontem (10) e podem ser feitas pelo site do evento. O Prêmio avalia trabalhos com qualidade literária para edição e circulação nacional.O regulamento completo pode ser acessado aqui.

Fonte: Agência Brasil

12

Jan

Rede Nordeste Aeroespacial divulga seleção para ingressos em 2022

A Coordenação-geral da Rede Nordeste Aeroespacial (RNA), em seus Programas de Pós-Graduação em Engenharia Aeroespacial (PPGEA/UEMA, PPGAERO/UFMA, PPGEA/UFPE e PPGEA/UFRN) das Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), Universidade Federal do Maranhão (UFMA), Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), divulgou edital de processo seletivo para ingresso no mestrado em 2022. 

As inscrições deverão ser feitas exclusivamente de forma on-line, através do seguinte Formulário de Inscrição. Os candidatos deverão enviar toda a documentação descrita no edital anexada eletronicamente e em PDF, por meio do formulário. Para mais detalhes sobre as linhas de pesquisa, acesse o Sigaa

A realização do processo foi autorizada desde que sem etapas presenciais e respeitando as demais normas vigentes de combate à pandemia de covid-19. Serão oferecidas 43 vagas no total, das quais 20 serão destinadas ao PPGEA/UFRN; 10, ao PPGEA/UFPE; nove, ao PPGEAERO/UFMA; e quatro vagas ao PPGEA/UEMA. 

Do total de vagas oferecidas, 14 serão de ampla concorrência para o PPGEA/UFRN, sete de ampla concorrência para PPGEA/UFPE; sete de ampla concorrência para o PPGEAERO/UFMA; e duas vagas de ampla concorrência para o PPGEA/UEMA. 

Em sua composição, a RNA tem as Ciências e Tecnologias Aeroespaciais como área única de concentração e as seguintes linhas de pesquisa: Materiais e Tecnologias Aeroespaciais (MTA); Hipersônica (Hs)Ciências Espaciais (CE)Ciências Atmosféricas (CA).

12

Jan

Curso da UFRN debate interiorização do turismo no Nordeste

Apresentar novas visões e romper estereótipos ligados ao turismo nordestino. Essa é a finalidade do curso promovido pelo Departamento de Geografia (DGC), vinculado ao Centro de Ensino Superior do Seridó (Ceres/UFRN), que traz como recorte os municípios do interior potiguar e objetiva mostrar o potencial de regiões não litorâneas do RN. O responsável por ministrar a discussão é Anderson Matheus André de Oliveira, geógrafo e mestrando no Programa de Pós-Graduação em Geografia (GeoCeres). O evento acontece via Google Meet, no período de 18 a 20 de janeiro. As inscrições podem ser realizadas na página da ação, no Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas (Sigaa).

Anderson Oliveira tem no cerne da sua pesquisa as políticas de interiorização do turismo nos municípios de Luís Gomes, Martins e Portalegre. Ele explica que a inclusão de atividades turísticas nos interiores é uma alternativa econômica que está ligada ao fortalecimento e à emergência de novas modalidades de segmentos turísticos, que perpassam desde as excursões religiosas até as de eventos e negócios. Aliadas à capacidade de ressignificação, elas são populares e assumem alto potencial nas cidades fora do centro.


O responsável por coordenar o minicurso é Leandro Vieira Cavalcante, professor do Departamento de Geografia do CERES e supervisor de estágio do mestrando. A expectativa do docente é de que o curso alerte e direcione o olhar dos alunos para outras modalidades turísticas. “O minicurso procura fazer com que os participantes reflitam acerca da necessidade de descentralizar o turismo do litoral e expandir para o interior, possibilitando a produção e a promoção de novos territórios turísticos, bem como a geração de emprego e renda para a população local”, enfatiza.

Em convergência à visão do coordenador, Anderson observa que existe uma dinâmica reveladora de construção de novos territórios turísticos. O resultado disso é a urgência de debates em torno das ações de interiorização, como programas e políticas públicas, que considerem a necessidade das comunidades locais e a diversidade ambiental e social do semiárido. Na mitigação desse problema, o curso pode instigar novos estudos sobre a temática, fazendo com que os participantes percebam novos espaços turísticos e proponham intervenções para a valorização e visibilidade no interior nordestino.

11

Jan

IMD abre inscrições para novas turmas de cursos técnicos em TI

O Instituto Metrópole Digital (IMD/UFRN) abriu, nesta segunda-feira, 10, as inscrições para as novas turmas de seus cursos técnicos em Tecnologia da Informação (IMDTEC). O certame recebe, até o dia 23 de janeiro, cadastros por meio do site da Comperve e oferece 1.580 vagas, distribuídas para os municípios de Natal, Angicos, Caicó, Mossoró e Pau dos Ferros.

As formações são oferecidas na modalidade semipresencial – Ensino a Distância (EaD) e encontros presenciais semanais. Atualmente, o programa oferece ênfases em seis áreas diferentes: Automação Industrial, Eletrônica, Programação de Jogos Digitais, Informática para Internet e Redes de Computadores, além de Internet das Coisas, uma novidade neste ano.

Segundo o coordenador dos cursos técnicos do IMD, professor Marcel Oliveira, a oferta das novas turmas representa o retorno de uma das principais ações de ensino do Instituto. “Após quatro anos, o IMD volta a ofertar mais de mil vagas para a formação técnica e com abrangência em todos os polos de ensino”, comemora.

Vagas

Segundo o Edital nº 001/2021, o processo seletivo é destinado a pessoas matriculadas ou que tenham concluído o ensino médio. Do total de vagas oferecidas, 70% é reservado a candidatos que tenham cursado o ensino fundamental em escolas públicas.

Do total de 1.580 vagas, são reservadas 1.100 para Natal e 120 para cada um dos outros municípios. A seleção – cujas provas ocorrerão no dia 6 de fevereiro – é destinada a toda a comunidade, não sendo necessário ao candidato estar matriculado em algum programa de ensino da UFRN.

O processo de inscrição terá uma taxa de R$ 30 – que deverá ser paga até o dia 24 de janeiro – sendo possível a isenção, conforme os requisitos previstos no edital.

Cursos técnicos

Durante todo o curso técnico, os alunos são acompanhados por profissionais do IMD, responsáveis por conduzir atividades pedagógicas e oferecer conteúdo de maneira flexível e direcionada, tanto on-line como presencial.

Segundo Marcel Oliveira, uma das principais portas de entrada no IMD são os cursos técnicos. Exemplo disso é o fato do Bacharelado em Tecnologia da Informação (BTI) reservar parte de suas vagas residuais para uma seleção específica para os concluintes da formação técnica. “Vários alunos que foram do técnico estão hoje na graduação. Esses vão sair daqui com uma formação bastante consolidada em TI”, comenta o professor.

Nas cidades do interior do estado, as aulas acontecerão exclusivamente à noite, em parceria com a Universidade Federal Rural do Semiárido (Ufersa). Já em Natal, as atividades acontecerão em turmas dos períodos matutino, vespertino e noturno.

Financiados pela Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) do Ministério da Educação (MEC), os cursos contam com uma grade curricular com carga horária variável, entre 1 mil e 1,2 mil horas, organizadas nos eixos de informação e comunicação.

Provas

Compostas por 40 questões de múltipla escolha, as provas para ingresso no programa avaliarão conhecimentos em Cidadania Digital e Colaboração GlobalPesquisa, Gerenciamento de Informações e ComunicaçãoPensamento Crítico, Flexível e Inovador e Resolução de Problemas e Pensamento Computacional.

O exame terá duração máxima de três horas e meia e será aplicado em cada município onde serão abertas as novas turmas, além de Santa Cruz (RN). Os candidatos receberão o endereço exato de aplicação das provas no dia 2 de fevereiro. O resultado final da prova, por sua vez, será divulgado no dia 21 de fevereiro, no site da Comperve. As aulas têm previsão de começar em 28 de março do mesmo ano.

11

Jan

Projeto do IMD para jovens superdotados prorroga inscrições

O Projeto Talento Metrópole, iniciativa que oferta orientação educacional e formação complementar a jovens com superdotação (altas habilidades cognitivas), adiou o prazo de inscrição para novos candidatos até o dia 16 de janeiro. Para se inscrever, os interessados devem preencher formulário eletrônico e enviar mensagem para o e-mail talentometropole@imd.ufrn.br, contendo todos os documentos descritos no edital.

Promovido pelo Instituto Metrópole Digital (IMD/UFRN), o programa é voltado para estudantes da rede pública ou privada de ensino que estejam cursando o ensino médio ou os últimos três anos do ensino fundamental.
Instituído como um projeto do IMD em 2015, o Talento Metrópole oferece uma formação adequada a adolescentes com o perfil de altas habilidades/superdotação, utilizando metodologias que rompem com os padrões tradicionais de ensino, estimulando o interesse pela pesquisa científica e pela expansão dos conhecimentos na área de Tecnologia da Informação.

O estudante que ingressa no programa é acompanhado por um tutor (professor pesquisador da UFRN), junto ao qual desenvolve um plano individual de trabalho, considerando interesses, habilidades e competências do aluno, que poderá cursar componentes curriculares nos diferentes níveis de formação da Universidade.

Além disso, o estudante dispõe de toda a infraestrutura do IMD, sendo assistido por equipe especializada constituída por psicólogos, pedagogos e assistente social. Desse modo, o programa também atua como um agente social, porque oferece assistência a crianças e adolescentes com um perfil que se constitui em uma necessidade educacional especial.

Processo seletivo

O processo seletivo para ingresso no Talento Metrópole acontece em três etapas. Na primeira, é feita uma triagem digital, realizada pela plataforma E-Genius, que verifica indicadores comportamentais comuns a jovens com altas habilidades. Para isso, os candidatos receberão informações, após se inscreverem, para baixar o aplicativo vinculado à plataforma e realizar o teste lá disponibilizado.

A segunda etapa será constituída de uma Avaliação de Competências e Habilidades Cognitivas, a ser aplicada presencialmente, na sede do Instituto Metrópole Digital. O objetivo é avaliar habilidades e competências potenciais relevantes para a Tecnologia da Informação, Inteligência e Criatividade. Os 45 candidatos que obtiverem as maiores médias serão selecionados para a terceira fase, que é o Curso de Férias do IMD.

Para saber mais detalhes sobre as etapas da seleção, suas respectivas datas e outras informações, os interessados devem acessar o edital. O resultado final do processo seletivo está previsto para o dia 22 de março.

10

Jan

Escolas públicas do RN vão ganhar mini usinas de energia solar para aulas práticas do ensino médio

Escolas públicas localizadas em 12 municípios do Rio Grande do Norte serão transformadas, a partir do primeiro semestre deste ano, em “laboratórios práticos de ensino” onde conceitos de física, geografia e matemática serão aprendidos com a ajuda de mini usinas de geração de energia solar. 

O projeto-piloto, chamado de “Escolas Solares”, será desenvolvido pelo Instituto SENAI de Inovação em Energias Renováveis (ISI-ER) e terá investimento de R$ 1 milhão para implantação de usinas como laboratórios didáticos. 

A iniciativa também prevê capacitação de professores durante o processo e a elaboração de uma cartilha para auxiliar a realização das aulas. 

Os recursos para desenvolvimento das atividades são provenientes de uma emenda parlamentar do senador da República Jean-Paul Prates, idealizador da proposta. O investimento será viabilizado por meio de convênio firmado na semana passada com o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI). 


Os detalhes foram divulgados nesta sexta-feira (07) pelo ISI. “Trata-se de uma iniciativa em que vamos montar unidades geradoras de energia para, mais do que ajudar na conta de luz, fomentar a educação, deixar nessas escolas uma cultura de energia mais limpa, que seja usada de forma transversal no aprendizado dos alunos”, diz o diretor do Instituto, Rodrigo Mello. 

As usinas serão implantadas em escolas estaduais de Natal, São Gonçalo do Amarante, Parnamirim, Nova Cruz, Alto do Rodrigues, Macau, Pendências, Currais Novos, Mossoró, Apodi, João Câmara e Caicó. 

Alcance 

De acordo com informações do projeto, as iniciativas serão levadas inicialmente a 13 das 620 escolas que compõem a rede estadual de ensino. A estimativa é que mais de 1.500 estudantes do ensino médio sejam beneficiados, mas o número poderá aumentar ainda este ano. 

“Temos conversado com SENAI e Secretaria de Educação do Estado para a realização de um convênio que deve viabilizar a inclusão de mais sete escolas, chegando ao total de 20 ainda em 2022”, diz o senador Jean-Paul Prates, ressaltando que há expectativa de estender a iniciativa para todo o Rio Grande do Norte. “A ideia é que possamos aumentar a quantidade de cidades e escolas beneficiadas ao longo dos anos, com recursos disponíveis de emendas parlamentares”. 

O projeto terá largada ainda neste semestre, com a compra de equipamentos, capacitação das equipes envolvidas e instalação das primeiras usinas. O início dos experimentos com os alunos dependerá de calendários elaborados pelas próprias escolas. 

Além de facilitar a compreensão de conceitos tradicionais estudados em sala de aula, o objetivo é usar as mini usinas de geração para aumentar a conscientização quanto ao uso racional de energia e reforçar a importância da sustentabilidade, em um momento de forte expansão do setor de energias renováveis e em que países do mundo inteiro, inclusive o Brasil, têm de aumentar a segurança energética e cumprir metas ambientais. 

Retorno 

“O projeto é um ganho para a didática das escolas”, observa Jean-Paul Prates. “Os professores poderão se utilizar da usina fotovoltaica para as aulas do cotidiano, levantar o debate sobre sustentabilidade com os estudantes e estimular, quem sabe, a formação de uma geração de profissionais que venham a atuar no setor de geração de energia solar, que tem crescido bastante no nosso estado e que precisa de mão de obra qualificada para o desempenho das atividades relacionadas a ele”. 

O coordenador de Pesquisa & Desenvolvimento do ISI-ER, Antonio Medeiros, faz coro. Aliar a prática à teoria pode, segundo ele, despertar o interesse dos jovens para especialização na área, assim como por cursos de ciências e engenharia. 

“O interesse por cursos nessas áreas”, observa o pesquisador, “atualmente é baixíssimo no Brasil”. “Mas essa é uma realidade que podemos mudar. E uma das vantagens de fazer isso, é a possibilidade de sermos não só grandes geradores de energia, mas também formadores de mão de obra de qualidade e até exportadores desses talentos”. 

10

Jan

UFRN retoma período letivo 2021.2 hoje

As aulas do período letivo 2021.2 da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) serão retomadas nesta segunda-feira, 10. O período de recesso acadêmico de final de ano teve início no dia 20 de dezembro e finaliza neste sábado, 8. Neste período, ficaram suspensas as aulas de qualquer natureza (síncronas e assíncronas), o registro de aulas e frequência, a realização de avaliações e a previsão de entrega de trabalhos/atividades. Apenas a realização de estágios e internatos foi permitida.

De acordo com o calendário acadêmico da UFRN, aprovado por meio do anexo II da Resolução nº 062/2020 — Consepe, de 5 de novembro de 2020, o final do período letivo 2021.2 está previsto para acontecer no dia 19 de fevereiro. O documento aponta que 14 de janeiro é o último dia para solicitação, no Sigaa, de suspensão de programa para o período letivo 2021.2.

Já o dia 19 de janeiro é a última data possível para matrícula dos alunos no Sigaa, pelas coordenações de curso, em atividades que não formam turmas (Trabalho de Conclusão de Curso, Atividades Complementares, Estágio etc.) referentes ao período letivo 2021.2.

Para o retorno do período letivo 2021.2, a pró-reitora adjunta de Graduação deseja as boas-vindas e ressalta a observância do calendário acadêmico, especialmente para realização de matrículas no período letivo 2022.1, que vai de 7 de março até 14 de março. O período 2022.1 inicia em 28 de março.