O presidente do Sindicato das Indústria da Extração de Metais Básicos e de Minerais Não Metálicos do Rio Grande do Norte (SINDIMINERAIS-RN), Mário Tavares, participou nesta quinta-feira (18), da abertura do Fórum Estadual Mineral do RN, realizado na Escola de Governo.

Para ele, que representou o presidente do Sistema FIERN, Amaro Sales, o evento é muito importante uma vez que reúne “empresários e representantes do setor de pesquisa como universidades e IFRN”.

Tavares explicou que o Rio Grande do Norte é composto de vários pequenos depósitos minerais. “A diversidade é grande e isso é adequado para pequenas empresas. É importante voltar a atenção para elas”, declarou.

Segundo ele, é nelas que se tem o retorno financeiro. “Durante muito tempo se pensou em grandes empresas. Não temos depósitos adequados para essas empresas”, avaliou.

Em sua fala durante a abertura, o presidente do SINDIMINERAIS ressaltou a importância da Companhia de Desenvolvimento Mineral do Rio Grande do Norte (CDM) e disse que vai sugerir a inclusão do retorno dela dentro do programa MAIS RN.

O secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico, Jaime Calado, destacou a realização de eventos como esse para debater a temática da mineração no estado. Além disso, ele lembrou o lançamento dos mapas de geologia e de recursos minerais do RN.

Também participaram da solenidade o secretário-adjunto de Estado do Desenvolvimento Econômico, Silvio Torquato, que é vice-presidente da FIERN, e o diretor-presidente do Serviço Geológico do Brasil (CPRM), Esteves Pedro Colnago.