Mercado

9

Jul

Mercado

FCDL/RN alerta sobre final do prazo para adesão de micro e pequenos empresários ao Refis da União

Termina hoje, 09 de julho, o prazo para que micro e pequenos empresários que estão em dívida com a União possam aderir ao Programa Especial de Regularização Tributária das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Refis), para parcelar a dívida e ter descontos de até 90% sobre os atrasos.

O presidente da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Rio Grande do Norte, Afrânio Miranda ressalta que essa adesão é muito positiva para setor do comércio e varejo. “A empresa que adere ao Refis volta a ter condições de investir em seu negócio. Hoje o que nós precisamos para alavancar a economia é exatamente novos investimentos. Resolvido o problema da dívida, a primeira atitude do empresário é voltar a investir. Os reflexos disso serão percebidos com certeza na economia”, afirmou.

A economista chefe do SPC Brasil Marcela Kawauti, também vê nesse programa uma boa alternativa para economia e para os empresários, pois o governo está aberto para negociações. “Estamos diante de uma oportunidade para os empresários resolver a questão dos débitos com a união, consequentemente a empresa vai ganhar um novo fôlego, e a possibilidade de voltar a investir. Para nossa economia isso é muito positivo, pois o dinheiro volta a circular tanto no momento do pagamento da dívida, quanto nos novos investimentos, novos negócios e novas contratações”, analisou Marcela.

 

7

Jul

Mercado

Marcas mudam estratégia após derrota brasileira na Copa do Mundo da Rússia

O Brasil não conseguiu ultrapassar o paredão Belga nas quartas de final da Copa do Mundo da Rússia, restando à torcida, jogadores, equipe técnica e as marcas que investiram em propaganda, esperam agora a copa de 2022, no Qatar para gritar: É HEXA. Mas o maior evento de futebol do planeta se mostrou, nesta edição, também o momento oportuno para o marketing digital que se apodera de gifs e memes, por exemplo, para conquistar o cliente/seguidor.

Apesar da frustração para o Brasil, a Copa não acabou para as marcas. É o que diz o Portal Meio e Mensagem, em matéria publicada hoje. A questão agora é o rumo a ser tomado nos próximos dias e a mudança de tom na comunicação. Nos últimos meses, as empresas se dedicaram em apoiar a seleção e aproveitar ao máximo a oportunidade tão importante do ponto de vista de marketing.

De acordo com o Meio e Mensagem, ao contrário do que ocorreu há quatro anos, quando o 7 x 1 calou as marcas na mídia tradicional e nas redes sociais, dessa vez estratégias traçadas anteriormente foram colocadas em prática. Imediatamente após o apito final da vitória de 2 x 1 para a Bélgica, marcas como Itaú e Guaraná Antarctica publicaram posts lamentando a eliminação do Brasil.

“O sentimento nunca vai mudar. Acreditar #issomudaojogo”, publicou o Itaú no Twitter. A operadora Vivo também postou: “Jogar junto é ter orgulho sempre. Valeu Brasil! #JogueJunto”. Já o Guaraná Antarctica se manifestou no Twitter: “Foi suado, foi! Foi intenso, foi verdadeiro. E continuaremos apoiando! O único time penta campeão mundial é Original do Brasil. E esse time a gente não abandona jamais. Rumo ao hexa. E o Catar é logo alí”.

Também no Facebook, a Coca-Cola publicou a foto de uma garrafa vazia com o seguinte texto: “A sexta estrela não veio, mas este foi o ano em que voltamos a acreditar. E se hoje bateu um vazio, é pra lembrar que amanhã podemos dar um gás de novo, Juntos”.

Em entrevista ao Meio & Mensagem, a diretora de estratégia de marcas do Twitter Brasil, Daniela Bogoricin, destacou que ainda na fase de grupos, as marcas que atuam em eventos como a Copa que trazem esse tipo de risco, já entendiam e possuíam estratégias que levavam em consideração essas possibilidades e o entendimento de que o evento não se resume aos jogos da seleção brasileira. “Assim como todo grande evento, a Copa é uma oportunidade para que as marcas entrem nas conversas que acontecem todos os dias. Para que isso aconteça de forma genuína, o primeiro passo é priorizar a agenda das pessoas”, declarou ao portal.

Com informações de reportagem do Portal Meio & Mensagem. A imagem foi retirada da internet, com créditos da Coca-Cola Company.

6

Jul

Mercado

Estudo aponta 30 profissões que estão surgindo com a indústria 4.0

Não há dúvida de que a corrida tecnológica vem impactando fortemente as profissões em diversos países do mundo, criando, inclusive, novas atividades para atender a uma demanda crescente do mercado que busca se atualizar frente aos concorrentes. No Brasil, instituições como o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), responsável pela formação profissional, confirmam a tendência dessa revolução.

Baseado neste cenário, estudo divulgado ontem (05) pelo Senai mostrou que 30 novas profissões vão surgir ou ganhar mais relevância com a chamada indústria 4.0, conceito relacionado às chamadas fábricas inteligentes, da quarta revolução industrial, determinada pelas tecnologias digitais, como internet das coisas, big data e inteligência artificial.

As novas profissões foram identificadas em oito áreas que o estudo realizado pelo Senai considera como aquelas que serão mais impactadas pelas novas tecnologias relacionadas à indústria 4.0: setor automotivo; alimentos e bebidas; construção civil; têxtil e vestuário; tecnologias da informação e comunicação; máquinas e ferramentas; química e petroquímica; e petróleo e gás.

Entre essas profissões estão as de mecânico de veículos híbridos e mecânico de telemetria (automotivo); técnico em impressão de alimentos (alimentos e bebidas); técnico em automação predial (construção civil); engenheiro em fibras têxteis (têxtil e vestuário); engenheiro de cibersegurança especialista em big data (tecnologia da informação); projetista para tecnologias 3D (máquinas e ferramentas); técnico especialista no desenvolvimento de produtos poliméricos (química e petroquímica); e especialista para recuperação avançada de petróleo (petróleo e gás).

Setor automotivo

O trabalho do Senai destaca que o potencial transformador é maior em alguns setores, entre eles o automotivo. A explicação está no desenvolvimento de tecnologias como a dos carros híbridos e a evolução de ferramentas veiculares como os computadores de bordo, cada vez mais utilizados pelos fabricantes como um atrativo de vendas e comodismo para o motorista. A expectativa é que tecnologias como robótica colaborativa e comunicação entre máquinas por meio da internet das coisas impactem tanto as etapas de concepção quanto as de produção da área automotiva.

É o caso da mão de obra que será exigida para lidar com o computador de bordo, por exemplo. Este sensor responsável pelo monitoramento de dados dos carros, como aceleração, temperatura do motor e do ar, oferece aos motoristas instrumentos para regulagem e programação de velocidade e estimativas de tempo de viagem. É o mecânico especialista em telemetria que programa esses computadores, faz diagnóstico e reparos das redes eletrônicas. Ao ouvir representantes de empresas, de sindicatos de trabalhadores, de universidades que atuam ou estudam esse segmento, o Senai projetou que, nos próximos dez anos, 31% a 50% das empresas do segmento demandem profissionais com esta especialização.

Tecnologia da informação

Outro setor que está no centro da quarta revolução industrial é o de tecnologias de informação e comunicação. A segurança no mundo digital tem recebido atenção especial em todo o mundo, principalmente, quando se trata de redes sociais e armazenamento de informações estratégicas em nuvem. Segundo o Senai, esta tem sido apontada como uma das maiores preocupações dos empresários. E isso acende uma luz nas formações como a de engenheiro de cibersegurança e analista de segurança e defesa digital.

As tendências profissionais do setor de Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) transpassam setores econômicos e refletem em mudanças e necessidades de aperfeiçoamentos de profissionais que atuam neste segmento em qualquer área. Além de apontar profissões já presentes do mercado, como as de técnico em desenvolvimento de sistemas e técnico em redes de computadores, o levantamento destaca novas atividades como a de analista de internet das coisas (IoT), com uma tendência de aumento da demanda por esses profissionais em torno de 11% a 30% nos próximos dez anos.

Com informações da Agência Brasil

6

Jul

Mercado

Empresas que investem em gestão de talentos têm melhores resultados

As empresas que praticam uma boa gestão de talentos obtêm melhores resultados em seus negócios, independentemente de seus tamanhos ou regiões de atuação no País. A constatação foi feita pela pesquisa “O real impacto do talento”, realizada pelo Sebrae e a Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH), que analisaram 1.927 corporações de todos os portes no país, sendo 30% de microempresas, 45% pequenas empresas, 23% médias e 12% grandes.

O estudo identificou que, nas empresas bem-sucedidas, a gestão de talentos é aplicada de forma simples e com foco nas pessoas, tanto nos líderes como nos liderados. Ainda de acordo com a pesquisa, foram identificadas cinco práticas comuns que diferenciam as empresas entre bem-sucedidas ou não: a alta liderança da empresa patrocina a gestão de talentos, a liderança já exerce a gestão de talentos, o engajamento dos talentos em projetos e em seu autodesenvolvimento, a identificação de talentos e a prática permanente do feedback.

“Os empresários de pequenos negócios sabem que a gestão de talentos é essencial para o sucesso da empresa. A flexibilidade e a capacidade dinâmica de reagir as mudanças do ambiente externo tornam a pequena empresa ainda mais atentas ao perfil profissional que precisam em suas equipes profissionais”, explica o diretor de Administração e Finanças e presidente em exercício do Sebrae, Vinicius Lages

Segundo a pesquisa, que contou ainda as participações da MicroPower, do Institute for Learning & Brasil e da World Federation of People Management Associations (WFPMA), de modo geral, nas empresas bem-sucedidas, o processo formal e regular de identificação de talentos apresenta uma frequência 3,4 vezes maior do que nas empresas não bem-sucedidas.

Nas micro e pequenas empresas, esta frequência sobe para 5,9 vezes. No universo analisado, entretanto, observou-se que 61% das empresas ainda não têm um processo formal de identificação de talentos e que em 30% delas, essa prática só acontece de forma reativa, quando surge uma necessidade. “Os resultados surpreenderam, pois as cinco práticas de maior frequência identificadas estão presentes nas organizações bem sucedidas, independentemente de seu tamanho”, enfatiza o presidente da MicroPower, Francisco Soeltl.

Engajamento

Outra prática comum às empresas bem-sucedidas apontada pela pesquisa foi o engajamento dos talentos em projetos e em seu autodesenvolvimento. Nelas, essa prática foi identificada com uma frequência 2,7 vezes maior que nas empresas que não alcançaram sucesso. No caso das micro e pequenas empresas, esta frequência foi encontrada com um índice ainda maior (4,2 vezes mais).

O engajamento da alta liderança das empresas na gestão de talentos também é um diferencial presente nas empresas bem-sucedidas. Nelas, essa prática foi percebida com uma frequência 2,8 vezes maior do que nas não bem-sucedidas.

O estudo mostrou ainda que, em 72% das empresas, o papel da gestão de talentos ainda não foi incorporado pela liderança, e permanece sendo compreendida como sendo uma responsabilidade restrita aos profissionais que atuam em Recursos Humanos. Com relação ao tamanho, observa-se que esta prática é aplicada em 44% das médias e grandes empresas, 2,5 vezes mais que nas 18% de micro e pequenas.

Por fim, a prática permanente do feedback foi percebida pela pesquisa como um diferencial que está presente nas empresas bem-sucedidas com uma frequência 2,5 vezes maior que nas demais. Dentro do universo analisado, a pesquisa mostrou que as empresas brasileiras ainda têm muito a evoluir, uma vez que o feedback permanente para todos os talentos não é aplicado em 70% dos casos.

Com informações da Agência Sebrae


26

Jun

Mercado

Gigantes inovam de olho em públicos segmentados: Facebook lança revista e Apple contrata Oprah

Uma das missões essenciais que as grandes organizações e empresas de impacto no ambiente digital têm é a de desenvolver estratégias individualizadas para serem ainda mais valorizadas. Em busca dessas estratégias que aliam personalização com impacto de longa escala, o Facebook lançou uma revista trimestral destinada ao público de líderes empresariais e a Apple investiu na contratação de uma das principais personalidades americanas do showbussines, Oprah Winfrey, para produzir programas exclusivos para a plataforma Apple Music.

A Grow by Facebook trouxe na primeira edição o sueco Oscar Olsson, chefe da Nyden, nova marca para a geração millennial da gigante de vestuário H&M, e foi publicada de forma discreta no começo do mês nos países britânicos. O público recebeu com exclusividade a publicação recheada de conteúdos jornalísticos e entrevistas exclusivas que foi distribuída em aeroportos e estações de trem para um público de profissionais de alto nível.

A revista tem todo o editorial realizado pela equipe de marketing da rede social sediada no norte da Europa. Além de sugestões do fundador da Business Insider, Kevin Ryan sobre os altos e baixos do empreendedorismo, e foi resumida pelo The Guardian como “revista de estilo de vida para a elite”. “Para o líder empresarial que quer ser ‘cool’ e rico”, classificou.

Na mesma pegada de fazer algo fora do seu principal negócio, a Apple, por sua vez, encarou a busca pela obtenção de resultados superiores aos seus já válidos US$ 182,8 bilhões. Investiu ao colocar no seu portfólio exclusivo a apresentadora de TV Oprah Winfrey. A atriz e também empresária vai produzir programas exclusivos ao longo dos próximos anos para a Apple Music, plataforma que surgiu em 2015.

A nova empreitada se junta a mais cinco séries da plataforma e outras que foram anunciadas como sendo uma expansão de conteúdo original através da aquisição de grandes nomes estratégicos. Ou seja, até os gigantes estão procurando novos caminhos “fora da caixa” para continuarem inovando.

 

5

Jun

Mercado

Associação de empresários do Alecrim empossa novo presidente e busca parcerias para revitalização do bairro

A Associação de Empresários do Alecrim (AEBA) dará posse, nesta quinta (07), ao seu novo presidente, o empresário Pedro Campos de Azevedo, que atua no bairro há 35 anos, e à nova diretoria, composta por nove empreendedores. A associação representa o maior centro de compras da capital do RN e tem como objetivo reunir os empresários em suas reivindicações junto ao poder público e apresentar projetos e sugestões para enfrentar os problemas do bairro, tendo como enfoque o bem estar social e o fortalecimento da atividade empresarial do Alecrim.

A nova diretoria assume a AEBA tendo como norte a prestação de serviços aos associados, realização de parcerias com Instituições de Ensino, Entidades do Sistema S (Fercomércio, SESC, SENAC e SEBRAE), sempre buscando a valorização do bairro, a geração de empregos e o fortalecimento das empresas. “A AEBA também atuará junto aos gestores públicos, no sentido de implantar políticas públicas que tragam benefícios a toda comunidade e as pessoas que transitam pelo bairro”, afirma Pedro Campos.

28

Mai

Mercado

RN é o estado do Nordeste com maior número de novos contratos de TV por assinatura

O número de contratos de TV por assinatura apresentou uma diminuição de 4,33% em todo o Brasil nos últimos 12 meses, tendo como exceção a região Nordeste, única região onde os números aumentaram. Os dados foram divulgados hoje (28) pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). A agência registrou uma redução de 814,05 mil contratos nesse período. Foi o terceiro mês seguido em que foi registrado queda no número de contratos de TV por assinatura. Em abril, a queda foi de 5,71% e em março, de 4%. 

No entanto, no Nordeste, o Rio Grande do Norte foi o estado que apresentou o maior crescimento, de 18,33%, somando 44 mil novos contratos. Depois vem o Ceará com crescimento de 5,77% e 22,89 mil contratos e o Piauí, com 5,31% e 4,55 mil novos contratos ativos. No total, o país tem 17,97 milhões de contratos de TV por assinatura ativos em abril de 2018. Na comparação com o mês anterior, a redução foi de menos 0,05%, com um cancelamento de 8,83 mil contratos.

De acordo com a Anatel, com exceção da Região Nordeste, onde houve crescimento, todos os outros estados apresentaram queda nos últimos 12 meses. Em números absolutos, São Paulo foi o estado que registrou a maior redução, com uma diminuição de 433.114 contratos. Em seguida vem o Rio de Janeiro, que fechou 110.085 contratos. Minas vem em terceiro, com menos 53.579 contratos.

 

22

Mai

Mercado

Especialista fala sobre a importância da embalagem como ferramenta de marketing para atrair cliente

A utilização da embalagem como ferramenta de marketing e de comunicação com o consumidor, visando principalmente atrair clientes em potencial, sobretudo na conexão via internet, será a principal abordagem do professor e designer paulista Fábio Mestriner, que ministrará a palestra gratuita “Como a embalagem ajuda o negócio da pequena empresa”, nesta quinta-feira (24), às 19h, no auditório do Sebrae-RN, em Natal.

Especialista em design e inteligência de embalagem, Mestriner tem na sua carteira de clientes, empresas como a Natura, Vigor, Cromus, Verallia, Lukscolor, Lord Palstic, Mafrig, Owens Illinois e Wheaton BrasilDivulgação.

Fábio Mestriner conquistou vários prêmios internacionais como designer ao longo dos 43 anos de experiência profissional. Autor de livros como Inovação na Embalagem – Método Prático; Gestão Estratégica de Embalagem; Design de Embalagem Curso Básico e Curso Avançado, alguns adotados por mais de 30 universidades do País, o Professor Doutor ministra disciplinas no Birô de competitividade – Embalagem do IMT Mauá, MBA de Marketing da Fundace/USP e do curso de pós-graduação em Engenharia de Embalagem – IMT Mauá.

Para participar da palestra, é preciso se inscrever pelo telefone 0800-5700800.

 

21

Mai

Mercado

CDL Jovem promove Dia da Liberdade de Impostos para chamar a atenção para a alta carga tributária

Os brasileiros trabalham quase cinco meses por ano apenas para pagar impostos – e a contrapartida em serviços públicos oferecidos, de maneira geral, não condiz com o tamanho da mordida do leão. Para chamar a atenção sobre a alta carga tributária, a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) Jovem promove em todo o País, no dia 24 de maio, a 10ª edição do Dia da Liberdade de Impostos (DLI).

Aqui no Rio Grande do Norte a ação será coordenada pela CDL Jovem Natal, que no dia 24 de maio vai montar na praça Gentil Ferreira no bairro do Alecrim, uma mini loja com produtos expostos, informando o valor do imposto pago em cima de cada mercadoria. A ideia de acordo com o diretor de Marketing da CDL Jovem Natal, Bruno Felix é mostrar e conscientizar a população para alta carga tributária no Brasil.

“Todos nós reclamamos sobre os impostos alto que pagamos, mas no dia a dia de consumo não nos damos conta de quanto pagamos sob cada produto. Essa nossa ação é para deixar os números ainda mais visíveis pela população, para que ela passe a cobrar o melhor emprego desse tipo imposto pago”, explicou ele.

Outra ação conta com a parceria das empresas Massa Fina, Pittssburg, Moldura Minuto e Casa do Pão de Queijo (unidade Petrópolis) que no dia 24/05 vão vender produtos com desconto referente ao valor do imposto. Além do Rio Grande do Norte os Estados do Amapá, Amazonas, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais, Paraíba, Pernambuco, Rio de Janeiro, Roraima, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo estão realizando ações nesse DLI de 2018.

Com informações da Assessoria de Comunicação da CDL Natal.

17

Mai

Mercado

Espaço para exposição e oficinas de arte e cultura é inaugurado hoje

Será aberto hoje o Ateliê Dalvaci Fonseca, novo espaço para exposição e realização de oficinas de arte e cultura em Natal. A decoradora que dá nome ao empreendimento recebe, a partir das 17h, com exposição de mais de 300 peças produzidas por ela.

O espaço de artes abrirá turmas para aulas de crochê, scrap, cartonagem, e pintura em madeira e MDF. Os instrutores Marcos Alves e Jalmaci Araújo já estão confirmados para ministrar oficinas que acontecerão durante toda a semana.

O Espaco Ateliê Dalvaci Fonseca está localizado na Rua Desembargador Carlos Augusto, 47, Lagoa Nova. "Estou realizando um sonho com a abertura desse espaço, e quero proporcionar a outras pessoas esse aprendizado que Deus me deu como dom", afirma a artista.

 

9

Mai

Mercado

Pescador cantor de Baía Formosa, ainda pouco conhecido por aqui, emplaca música na nova novela da Globo

Apesar de ainda ser desconhecido por muitos potiguares, o pescador cantor de Baía Formosa Zé Maria já tem seu talento reconhecido até pela TV Globo. Ele acaba de emplacar uma de suas músicas, “Por Amor”, na próxima novela das nove da emissora. A canção embalará o romance dos personagens vividos por Adriana Esteves e Fabrício Boliveira.

Zé Maria foi descoberto anos atrás pelo cantor Ney Matogrosso, em uma das visitas do veterano à Baía Formosa. Na ocasião, ele convidou o cantor para gravar o álbum que leva o nome do seu outro ofício: "Pescador", pela prestigiada gravadora Som Livre. Ele também já esteve no Festival de Cannes, na França, em 2006, por sua participação no filme “Sonhos de Peixe”, gravado no município potiguar, e em 2017, foi indicado ao Prêmio Hangar de Música, em Natal.

Em suas canções, Zé conta e canta as belezas de Baía Formosa e fala de sentimentos como o amor. Letras e arranjos que conquistaram Ney Matogrosso e o alto escalão da TV Globo, que vai dar ao potiguar vitrine nacional em seu horário nobre.

8

Abr

Mercado

“Compra de Mídia Digital” e “Monitoramento de Mídias Sociais” serão os principais serviços das agências digitais em 2018, aponta pesquisa

A Rock Content, uma agência de Marketing de Conteúdo, e a Resultados Digitais, empresa de planejamento de Marketing Digital, divulgaram os resultados da pesquisa “Panorama das Agências Digitais no Brasil 2018”, que buscou entender quais os principais desafios deste tipo de empresa que une trabalho de comunicação e marketing para este ano. Entre os resultados, destaca-se que para 64,1% das agências, ainda há muito mercado a ser explorado pelo atividade.

Foram coletadas respostas de 1042 representantes de agências de todo o Brasil, entre agosto e setembro de 2017. Dentre os participantes, 59,4% são sócios ou CEOs das empresas e 26,3% atuam no departamento de marketing. A grande maioria das empresas (39,7%) se apresenta como “Agência de Marketing Digital”. Outros tipos de apresentação do negócio que também ofertam serviços digitais foram “Assessoria de Imprensa” (0,7%), “Relações Públicas” (0,7%) e “Entretenimento” (2,3%).

Dentre os motivos pelos quais os clientes contratam uma agência, foram elencados “foco na entrega de resultados para o cliente” (55,2%); “credibilidade no mercado” (48,6%) e “especialização em alguma oferta de serviço” (38,2%) como itens mais lembrados. A pesquisa revelou ainda que 55,6% das agências digitais tiveram crescimento no número total de clientes em 2017.

Agências tiveram faturamento anual médio acima de R$ 120 mil

Em relação os planos de oferta de serviços, foram avaliados os valores do ticket médio — que corresponde ao valor médio que um cliente gasta comprando serviços de uma empresa — e o faturamento das agências. Quase metade, ou seja, 47,8% delas possuem um ticket médio de até R$ 2 mil e apenas 5,3% de mais de R$ 15 mil. Mesmo com esse cenário, 62,5% das agências tiveram um faturamento anual acima de R$ 120 mil.

No panorama para 2018, os serviços de “compra de mídia digital” (82,0%), “gestão e monitoramento de mídias sociais” (81,7%) e criação de “campanhas de e-mail marketing” (74,4%) serão os serviços mais ofertados pelas agências digitais. Sobre a importância do marketing digital no planejamento de comunicação, “há muito mercado para serviços de Marketing Digital” (64,1%); “é mais fácil de mensurar os resultados”(53,5%) e “é mais fácil entregar resultados aos clientes (38,7%) foram os itens mais respondidos pelas empresas participantes da pesquisa.

 

6

Abr

Mercado

Contagem regressiva para fim do sinal analógico de TV faz disparar procura por conversores

Em pouco mais de um mês – no dia 30 de maio – será encerrado o sinal de TV analógica em Natal e mais 25 cidades do RN. A proximidade da mudança levou consumidores a dispararem a procura por conversores e antenas que garantam o funcionamento das TVs mais antigas após a interrupção do sinal. No comércio eletrônico local a venda dos equipamentos já apresenta um aumento de 334% em relação ao primeiro trimestre do ano passado.

Segundo o empresário Afrânio Miranda, diretor administrativo da rede de lojas Miranda, a expectativa é que as vendas aumentem ainda em torno de 550% nos meses de abril, maio e junho. “O brasileiro sempre deixa para última hora, mas é importante que as pessoas busquem se informar o quanto antes sobre a necessidade de adquirir conversor ou antena, porque nem todo mundo precisa, mas os que precisam podem correr o risco de ficar sem sinal se não adaptarem suas TV’s para receber o sinal digital corretamente”, ressalta o empresário.

De acordo com ele, a maior dificuldade das pessoas tem sido entender a necessidade de um conversor ou antena. “É importante para o consumidor saber que, mesmo se ele tem uma TV antiga, mas se possuir serviço de TV por assinatura, não vai precisar comprar nem o conversor, nem a antena externa. Quem tem TV adquirida nos últimos 5 anos também já vem com conversor integrado, neste caso precisará apenas de uma antena, caso não tenha TV por assinatura”, explica.

6

Abr

Mercado

Uber já permite ao usuário pedir carro sem precisar do aplicativo

O Uber anunciou uma novidade para os usuários do seu aplicativo: a disponibilidade de uma versão web. Através do site  (https://m.uber.com/), os clientes podem solicitar um carro cadastrado na empresa sem precisar do app. 

De acordo com o Uber, essa iniciativa foi pensada para beneficiar os usuários possuem dificuldade de conexão com a internet 3G ou mais ou que possuem smartphones com pouca memória disponível. Com esse novo serviço, é possível chamar um carro a partir de qualquer computador ou tablet conectado à internet, basta apenas possuir o sistema operacional Android ou iOS, para quem vai acessar pelo celular, e a novidade é compatível com navegadores como o Chorme, Safari e Firefox.

Passo a passo para pedir um Uber sem o app:

- Primeiro passo é abrir o navegador de internet que você usa em um smartphone, tablet ou computador.

- Para utilizar o serviço, sempre verifique que está conectado à internet.

- Acesse o site m.uber.com

- Depois, faça login na sua conta Uber. Caso você não seja um usuário, cadastre-se e crie sua conta.

- Após o login, digite o endereço que você se localiza ou utilize o GPS do celular para fornecer essa informação.

- Digite o destino.

- E escolha a modalidade do serviço de Uber que você quer: Uber X, Uber X VIP, Uber SELECT etc.

 

Fonte: UOL https://bit.ly/2qckVnm

29

Mar

Mercado

#DropsDoBlog

Notinhas do que acontece no mercado publicitário, de comunicação e corporativo:

 

Dupla Octacampeã

O Shopping Cidade Jardim e a Executiva Propaganda venceram, pela 8ª vez, o prêmio de melhor fachada do Concurso de Decoração Natalina do Natal em Natal, promovido pela Prefeitura e CDL, com resultado divulgado nesta semana. Oitavo ano consecutivo em que a dupla capricha e de quebra deixa mais bonito o início do principal corredor turístico da cidade, a Avenida Roberto Freire.

Impacto e emoção por resultados

Por falar na Executiva, a agência está finalizando a nova campanha educativa do Detran/RN, que  permanece na ideia-chave #curtodirigirbem e na linha de comunicação que trabalha emoção e conscientização em busca de resultados. Foi seguindo esse script que a última etapa da campanha de trânsito desenvolvida por Executiva e Detran faturou o troféu de melhor propaganda educativa do país em premiação do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), no final do ano passado.

Direção do G1 na InterTV

Uma equipe do G1/Rede Globo fará uma visita de trabalho às equipes do RN na InterTV, no início de maio. Vão chegar comemorando os números do aplicativo GloboPlay, que permite assistir aos conteúdos da TV Globo sob demanda. O app esteve entre os mais baixados em dispositivos móveis via Apple Store em 2017.

Fruticultura em horário nobre

Chama a atenção no horário nobre da TV aberta o primeiro vídeo publicitário da Agrícola Famosa, empresa que é o maior empregador rural do país, com mais de 9.400 pessoas trabalhando na fruticultura irrigada. A agrícola tem base em Mossoró e atuação em várias cidades do Oeste potiguar. A propaganda foi desenvolvida pela Dois.A Publicidade com roteiro de João Maria Medeiros, e mostra a beleza do rico RN da agricultura irrigada pouco conhecido de quem vive no litoral.

Tubarão dos negócios em Natal

Na próxima segunda (02), a investidora Camila Farani, integrante do programa Shark Tank Brasil, estará em Natal como estrela principal do primeiro Summit Negócios, na Arena das Dunas. Camila palestra sobre como empreender com inteligência e transformar sua ideia em negócios, e partilha experiências do programa de TV. Além dela, o coach Rodrigo Peixoto e o empresário André Jimmy (GreenPalets) farão exposições, com a mediação do jornalista Jean Valério, idealizador do evento. Legal para quem quer renovar as ideias e ânimo empreendedor. Mais informações aqui: http://summitnegocios.com.br/