Depois de um ano de atividades remotas e adaptações devido a pandemia, a Edição 2021 do projeto Conexão Elefante Cultural volta a ocupar as ruas e cidades do interior do Rio Grande do Norte. Começa nesta quarta-feira, 22, a primeira etapa de circulação da Trupe da Luz, que irá levar arte, educação e cidadania a 7 municípios do estado.

Monte Alegre, Poço Branco, Passagem, Monte das Gameleiras, Serra de São Bento, Serra Caiada e Brejinho são as primeiras cidades a receber as atividades presenciais do projeto, que chega a sua 6ª edição.

Durante a turnê, serão realizadas oficinas gratuitas de teatro, reciclagem e audiovisual, uma intervenção visual urbana, além de intercâmbio com grupos artísticos locais. Para fechar a programação, haverá ainda uma apresentação pública da Trupe da Luz, com a participação dos artistas de cada cidade.



“Foi muito importante a articulação e interesse dos municípios, para que pudéssemos voltar para a estrada. Com apoio local, conseguimos divulgar as oficinas para crianças e adultos e vamos poder realizá-las com todas as orientações sanitárias que o momento ainda pede. O mesmo deve acontecer com as apresentações da Trupe em praça pública”, explica Diana Fontes, idealizadora do projeto.

A segunda etapa de circulação do Conexão deve acontecer em outubro, passando por mais 7 cidades. O projeto é patrocinado pela COSERN, Instituto Neoenergia, através da Lei Câmara Cascudo e Governo do Estado, com realização de Diana Fontes Direção e Produção Cultural.

TRUPE DA LUZ

Este ano a Trupe da Luz é formada por 5 artistas independentes ligados ao audiovisual, dança, circo, teatro, contação de histórias e customização plástica, sob a coordenação de Diana Fontes e Joana Patino. Participam do grupo André Rosa, Cissa Cortez, Giovanna Araújo, Joriana Pontes e Rodrigo Bico.